CONSTITUIÇÃO E FORMAÇÃO DO SUJEITO ADMINISTRADOR

Susane Petinelli-Souza

Resumo


O estudo analisa a constituição e a formação do sujeito administrador. Os materiais e a análise foram organizados em torno de três eixos: eixo das subjetividades, eixo dos poderes e eixo dos saberes. Os eixos são produções teórico-empíricas, pois neles estão as análises das entrevistas e as teorias, além das análises da formação em Administração que ocorriam com base em documentos, legislação e elementos históricos. As entrevistas foram realizadas com professores que lecionam no curso de Administração, alunos em vias de formação e administradores recém-egressos. Não se pretendeu produzir uma nova verdade sobre a formação em administração, mas, mapear as condições de emergência dos sujeitos administradores e de sua formação. Dentre as condições mapeadas estão os modos pelos quais somos governados, ou seja, os modelos de conduta que estão pautados nos modos de ação empresariais, a profissionalização da área, a sistematização do ensino e a constituição de um campo de conhecimento.


Palavras-chave


formação; curso de Administração; poder; saber; subjetividades

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13058/raep.2013.v14n3.58

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Direitos autorais 2013 Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Administração (ANGRAD)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Administração: Ensino e Pesquisa (RAEP). ISSN (Eletrônico): 2358-0917 | ISSN (Impresso): 2177-6083 (publicação impressa encerrada em 2017). A RAEP é uma publicação da Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Administração (ANGRAD).

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia